Hepatites Virais

São doenças infecciosas sistêmicas que afetam o fígado. Cinco diferentes vírus são reconhecidos como agentes etiológicos da hepatite viral humana: o vírus da hepatite A (HAV), o vírus da hepatite B (HBV), o vírus da hepatite C (HCV), o vírus da hepatite D ou Delta (HDV) e o vírus da hepatite E (HEV). As mais comuns no Brasil são a hepatite A, B e a C.

Hepatite A: geralmente autolimitada, podendo ser grave em determinados caso. Não se torna uma doença crônica. Há formas eficazes de prevenção, além de ter disponível uma vacina altamente eficaz, indicada principalmente para crianças, populações especiais e para viajantes para áreas em desenvolvimento.

Hepatite B: doença silenciosa, sua aquisição se dá por via parenteral, por contato com sangue e hemoderivados, sendo também transmitida por contato sexual e de mãe infectada para o recém nascido (durante o parto ou no período perinatal). Em caso de cronificação da infecção o acompanhamento é mandatório. O tratamento, quando indicado, evita a progressão da doença para formas graves como cirrose e câncer hepático. Há vacina disponível com alto grau de proteção.

Hepatite C: forma de hepatite silenciosa, com altas taxas de cronificação. De transmissão parenteral, por exposição percutânea direta ao sangue, hemoderivados ou instrumental cirúrgico ou de manicure contaminados. Receptores de sangue e derivados, usuários de drogas injetáveis, pacientes de hemodiálise e profissionais de saúde (vítimas de acidentes pérfuro-cortantes) apresentam alto risco de infecção pelo HCV. Atualmente tem tratamento eficaz, com poucos efeitos colaterais e com altas taxas de cura. Não deixe de procurar atendimento, não deixe a doença evoluir para formar graves e irreversíveis de lesão hepática.

Anúncios

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: